quarta-feira, 25 de maio de 2011

Castanhos

Mais um dia chegando ao fim...
Uma folha a menos no calendário.
E eu aqui. Deixando a vida passar despercebida

Aguardo por promessas até então esquecidas...
Sua felicidade me incomoda
E me consola ao mesmo tempo.
Mas pelo menos ainda noto
Que quando cruzas por mim na rua
O teu olhar me procura.

E só de saber que naquele momento,
Que naquele curto segundo o seu olhar é meu,
Isso já me faz feliz.

Se tudo que posso ter de você é apenas um olhar,
Então aproveito cada milésimo de segundo de sua atenção.



Um comentário:

Offline disse...

muito bom meu! passei por uma situação igual a pouco tempo atrás,e, sei la! Descreveu perfeitamente